Data driven: vale a pena investir?
Tempo de leitura: 8 min

Hoje é o nosso último post de esquenta para o pós evento “DDD: a jornada Data Driven”. Se você está chegando agora e não sabe do que estamos falando, em maio deste ano, juntamente com a nossa parceira Layer Up realizamos o evento Data Driven Decision, que apresentou os benefícios e diferenciais de empresas que traçam estratégias a partir de informações consistentes.

Foram 15 horas de muito aprendizado, networking e bate-papos que proporcionaram insights valiosos para empresas que desejam ser orientadas por dados. Contamos com grandes players e especialistas do mercado, distribuídos em 25 painéis, para falar sobre o tema e compartilhar conhecimento com os participantes.

Agora no pós-evento, ” A Jornada Data Driven Decision”, carinhosamente apelidado de DDD, vamos relembrar pontos de destaque do Data Driven Decision. Com uma proposta um pouco diferente, traremos as últimas pesquisas e tendências do mercado de dados e contaremos com participações de especialistas no assunto.

Quer começar a transformar o seu negócio? Corre que ainda dá tempo!! O evento acontece AMANHÃ, online e gratuito. Se inscreva:

Por que ser uma empresa Data Driven?

A transformação analítica e a jornada data driven possuem pontos bastante comuns. Ambas requerem esforços coletivos e algumas mudanças no Mindset dos times de todas as áreas da empresa, não apenas das equipes de dados como se supunha. Entretanto, como vimos falando nos últimos dias, dois são os processos fundamentais para esse tipo de estratégia: maturidade e inteligência analítica.

A inteligência analítica refere-se a todas as ferramentas e métodos analíticos que as empresas empregam para formar um melhor entendimento das informações que coletam para melhorar seus serviços ou investimentos. A inteligência de dados se concentra na análise e na interação com as informações de uma forma significativa para promover uma melhor tomada de decisão no futuro.

Ao coletar dados para fins de inteligência, as empresas e organizações procuram uma variedade de fontes que incluem métricas de desempenho de negócios, mineração de dados de consumidores e usuários e outras fontes descritivas.

Ao contrário do Business Intelligence, que se concentra mais em organizar dados e apresentá-los de uma forma que facilite o entendimento e a obtenção de insights de inteligência de negócios , a inteligência de dados está mais preocupada com a análise das próprias informações.

Já a maturidade analítica é uma sequência de etapas ou estágios que representam a evolução da empresa em sua capacidade de gerenciar seus dados internos e externos e usar esses dados para informar as decisões de negócios. Esses modelos avaliam e descrevem a eficácia com que as empresas usam seus recursos para obter valor dos dados. Eles também servem como um guia no processo de transformação analítica e para a jornada Data Driven.

Eficiência de marketing

Quando você entende melhor o seu público, pode comercializar para eles de forma mais eficaz. A análise de dados também fornece insights úteis sobre o desempenho das campanhas, para que possam ser ajustadas para obter os resultados ideais.

É possível utilizar essas informações para ajustar os critérios de segmentação, ou usá-las para desenvolver mensagens e criativos diferentes para segmentos diferentes. Melhorar os resultados de segmentação resulta em mais conversões e menor desperdício de anúncios.

Atendimento ao cliente

A análise de dados fornece insights sobre os clientes, permitindo a adaptação do atendimento de acordo com as necessidades da audiência, fornecendo mais personalização e construindo relacionamentos mais fortes.

Os dados podem revelar informações sobre as preferências de comunicação dos usuários, seus interesses, suas preocupações e muito mais. Ter uma localização central para esses dados também garante que toda a equipe de atendimento ao cliente, bem como suas equipes de vendas e marketing, estejam na mesma página.

Produtividade operacional

A análise de dados otimiza processos, economiza dinheiro e aumenta os resultados financeiros dos negócios. Quando se compreende melhor o que o público quer, as equipes perdem menos tempo criando anúncios e conteúdo que não correspondem aos interesses da audiência.

Isso significa menos dinheiro desperdiçado, bem como melhores resultados de campanhas e estratégias de conteúdo. Além de reduzir os custos, a análise também pode aumentar a receita por meio de conversões, anúncios ou assinaturas.

Melhores análises de contexto

A análise de contexto é um método para avaliar conjuntos de dados. O processo consiste em criar um banco de dados de atributos atribuídos e, em seguida, procurar relações interessantes. Atribuir os atributos requer uma compreensão do assunto.

Entendendo o cenário e suas correlações, é possível extrair insights mais focados no objetivo, garantindo maior assertividade no processo de tomada de decisão.

Sistemas de recomendação

Os sistemas de recomendação têm a capacidade de prever se um determinado usuário prefere um item ou não com base no perfil do usuário.

São benéficos tanto para os provedores de serviços quanto para os usuários. Reduzem os custos de transação de localização e seleção de itens em um ambiente de compras online, por exemplo.

Os sistemas de recomendação também têm demonstrado melhorar o processo de tomada de decisão e a qualidade.

A necessidade de usar técnicas de recomendação eficientes e precisas dentro de um sistema que fornecerá recomendações relevantes e confiáveis ​​para os usuários não pode e não deve ser ignorada.

Criatividade e inovação

Os dados representam uma oportunidade inestimável para as empresas inovarem, mas apenas se souberem o que fazer com eles.

A tecnologia de análise de dados pode acelerar o processo de inovação, permitindo que o conhecimento existente seja identificado, acessado, combinado e implantado para tratar de novos domínios de problemas.

As análises podem também conduzir a criação de recombinações, ou seja, combinar um conjunto diversificado de tecnologias e dados existentes de uma outra maneira, possibilitando a implantação de novos produtos e serviços que atendam mais direcionados para as necessidades dos clientes.

A nossa série termina por aqui. Mas ainda dá tempo de conferir o que os especialistas da área estão falando sobre a jornada data driven em uma mesa redonda super descontraída e repleta de conteúdos e insights. Venha transformar com a gente!!

Leia mais: Cultura Data Driven: desafios para implantação nas empresas

Compartilhe:

Jéssica Dias Synthes

Sobre o autor

Analista de Conteúdo e Clientes Pleno na Boxnet. Pós-graduanda no curso de especialização em Big Data e Comunicação, bacharela em Comunicação Social - Jornalismo e Tecnóloga em Design Gráfico. Experiências anteriores em Comunicação Interna, Marketing Digital e Assessoria de Imprensa.

Posts relacionados
Insights-as-a-Service: a...

Insights-as-a-serviceA utilização de dados para a tomada de decisões...

Leia mais >
Dados não...

A influência das análises de dados na nossa vida cresce de forma...

Leia mais >

Entre em contato

Descubra como a sua empresa pode ser mais analítica.