Tendências para a Inteligência Artificial em 2024

Última atualização: 31 de janeiro de 2024
Tempo de leitura: 6 min

O ano de 2023 marcou um momento decisivo na evolução da tecnologia, com a Inteligência Artificial (IA) se tornando pauta dominante. Em 2024, espera-se que o panorama da IA evolua ainda mais rapidamente, introduzindo uma série de tendências que prometem transformar a ferramenta e as suas aplicações.

Estas tendências, que vão desde os avanços nos modelos multimodais de IA até o surgimento de modelos de pequenas linguagens, que não só moldarão o panorama tecnológico, mas também redefinirão as interações, a criatividade e a compreensão do potencial da IA.

Surgimento de modelos multimodais de Inteligência Artificial Generativa (IAG)

O GPT4 da OpenAI, o Llama 2 da Meta e o Bard do Google são exemplos notáveis de avanços em grandes modelos de linguagem generativas. As ferramentas agora vão, além do texto, para os chamados modelos de IA multimodais, permitindo aos usuários misturar e combinar conteúdo com base em texto, áudio, imagem e vídeo para solicitar e gerar novos conteúdos. Essa abordagem envolve a combinação de dados, como imagens, texto e fala, com algoritmos avançados para fazer previsões e gerar resultados.

Em 2024, espera-se que a IA multimodal evolua significativamente, inaugurando uma mudança nas capacidades de IA generativa. Esses modelos estão progredindo além das funções tradicionais de modo único, incorporando diversos tipos de dados, como imagens, idioma e áudio. Como resultado desta transição para modelos multimodais, a IA tornar-se-á mais intuitiva e dinâmica.

IA Neurosimbólica

A IA neurosimbólica é uma abordagem inovadora que combina técnicas de aprendizado profundo (neural) com representações simbólicas, buscando integrar o melhor dos dois paradigmas. Enquanto o aprendizado profundo é conhecido por sua capacidade de lidar com dados não estruturados e extrair padrões complexos, as representações simbólicas oferecem uma compreensão explícita e interpretação dos dados. Nessa abordagem, os sistemas de IA podem aprender tanto a partir de dados brutos quanto de conhecimento prévio codificado em regras e relações simbólicas, permitindo uma maior interpretabilidade e generalização.
Esta abordagem híbrida promete uma compreensão mais matizada e sofisticada de problemas complexos, preenchendo a lacuna entre o raciocínio humano e a eficiência da máquina, e emerge como uma tendência que será ainda mais explorada em 2024.

Solução de Dados Vetoriais

Para 2024, a solução de dados vetoriais está emergindo como uma tendência significativa na área de análise espacial e inteligência geoespacial. Com o crescimento contínuo da Internet das Coisas (IoT), sistemas de monitoramento ambiental e cidades inteligentes, há uma demanda crescente por análises geoespaciais avançadas e modelos de dados mais precisos. A solução de dados vetoriais oferece uma estrutura flexível e escalável para lidar com essa complexidade, permitindo uma representação mais detalhada e uma análise mais sofisticada de dados espaciais em tempo real.

Com o avanço da tecnologia de sensores e a crescente disponibilidade de dados geoespaciais, espera-se que a solução de dados vetoriais desempenhe um papel cada vez mais importante na tomada de decisões e no desenvolvimento de soluções inovadoras para desafios globais, como mudanças climáticas, urbanização e gestão de recursos naturais.

2024 é o ano dos Wearables de Inteligência Artificial e Realidade Estendida

Este ano, estamos testemunhando uma revolução íntima na forma como interagimos com a tecnologia, com o mundo da IA ​​e dos wearables se fundindo ao lado dos dispositivos de realidade estendida (XR). Esses dispositivos não são apenas gadgets; eles são extensões do nosso eu digital, integrando-se perfeitamente em nossas vidas diárias.Esses dispositivos oferecem um vislumbre de um futuro onde os wearables não servem mais apenas para monitorar métricas de saúde ou receber notificações. O objetivo é melhorar as interações humanas, oferecer assistência de IA em tempo real e fornecer uma experiência aumentada do mundo que nos rodeia.
Em 2024, os wearables de IA deverão ir além da mera tecnologia. Eles estão se tornando companheiros pessoais, assistentes digitais e portas de entrada para novas realidades. Representam uma mudança em direção a uma relação mais íntima e interativa com a tecnologia, onde os nossos mundos digital e físico se entrelaçam perfeitamente. Este ano, não estamos apenas usando tecnologia; estamos vivendo tecnologia.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Ao olharmos para 2024, o potencial da IA ​​e da tecnologia para remodelar o nosso mundo é inegável. Cada uma destas previsões oferece um vislumbre de um futuro onde a inovação, a responsabilidade e a inclusão andam de mãos dadas. À medida que nos aventuramos neste novo território, é crucial manter um foco na ética, na responsabilidade e no impacto social, garantindo que a IA continue a ser uma força para o bem e a promover o progresso humano em todas as suas formas.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é box360-logo.webp

Conheça o BOX360º – Uma nova experiência em análise de dados

Leia mais:

2024: O Ano da Inteligência Artificial

Compartilhe:

Jéssica Dias Synthes

Sobre o autor

Coordenadora de Análise de dados na Boxnet. Pós-graduada no curso de especialização em Big Data e Comunicação, bacharela em Comunicação Social - Jornalismo e Tecnóloga em Design Gráfico. Especialista em Comunicação Interna, Marketing Digital e Assessoria de Imprensa.

Posts relacionados
Cookies de Terceiros: o...

Os cookies de terceiros têm sido uma pedra no sapato para a privacidade dos...

Leia mais >
Cookies de Terceiros:...

Nos dias de hoje, a internet é um vasto ecossistema onde informações fluem...

Leia mais >

Entre em contato

Descubra como a sua empresa pode ser mais analítica.